Há 35 anos atrás Jonh Lennon era assassinado

Em 8 de dezembro de 1980 quando voltava para seu apartamento em Nova Iorque, acompanhado por sua esposa Yoko Ono, Jonh Lennon foi assassinado.  O assassino foi Mark Chapman, que naquela mesma tarde havia pedido um autografo para o ex Beatle.

499b10f1041a8

Mark alega que matou Lennon pois era cristão e considerava uma grande blasfêmia uma popular frase de Jonh que afirmava que os The Beatles eram mais populares que Jesus dita anos antes. Ao ser desarmando pelo porteiro do prédio, Mark não reagiu, simplesmente se sentou na calçada e esperou a chegada da policia. Lennon foi declarado morto apos sua entrada no hospital, onde os médicos tentaram tudo para reanima-lo, inclusive uma massagem manual em seu coração pra tentar retomar a circulação sanguínea, como consequência, Mark foi condenado a prisão perpetua com direito a condicional apos 20 anos.

Anúncios

2 comentários sobre “Há 35 anos atrás Jonh Lennon era assassinado

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s